07 agosto 2007

Árvore Boa e Árvore Má

Para Nossa Meditação

Vocês já observaram que muitas vezes na Palavra de Deus, nós somos comparados a árvores? Pois é, vemos que Jesus é a videira e nós os ramos.

Mas não é só isso. Jesus nos ensinou também que pelo fruto se conhece a árvore, pois não pode a árvore boa dar fruto mau e vice-versa. Por isso também aprendemos sobre o fruto do Espírito, em Gálatas 5:22, que é o fruto bom que todo cristão deve demonstrar em sua vida, pois estando enraizado em Jesus e deixando fluir em sua vida o Espírito de Deus que transforma a alma, o resultado é este fruto lindo com vários gomos que lemos em Gálatas:

“AMOR, ALEGRIA, PAZ, LONGANIMIDADE, BENIGNIDADE, BONDADE, FIDELIDADE, MANSIDÃO, DOMÍNIO PRÓPRIO”.

E você, amado, que tipo de árvore você é? Já pensou sobre isto? Em Jeremias 17:5-8, lemos sobre duas árvores bem diferentes. Com qual delas você se identifica?

"Maldito o homem que confia no homem, faz da carne mortal o seu braço, e aparta o seu coração do Senhor! Porque será como o arbusto solitário no deserto, e NÃO VERÁ QUANDO VIER O BEM; antes morará nos lugares secos do deserto, na terra salgada e inabitável." (Jeremias 17:5,6)

Vemos que o homem que confia no homem, em sua própria força, ou mesmo na força de outra pessoa, que não seja Deus, é maldito e é como a árvore plantada no deserto. Está em lugares secos e inabitáveis, e segundo o versículo 6 esta pessoa não sente quando vem o bem, é alguém de alma amargurada, não consegue confiar em Deus. Portanto não tem alegria em seu espírito, apenas uma sequidão que faz com que não sinta quando chega o bem. Já pensou o que é não poder sentir quando vem o bem??

Mas, veja o que vem a seguir: nos versículos 7 e 8:

“Bendito o homem que confia no Senhor, e cuja esperança é o Senhor. Porque ele é como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro e NÃO RECEIA QUANDO VEM O CALOR, mas a sua folha fica verde; e no ano de sequidão, NÃO SE PERTURBA NEM DEIXA DE DAR FRUTO." (Jeremias 17:7-8)

Vejam. Enquanto a outra árvore mora no lugar seco e quando vem o bem, ela não sente, esta aqui está plantada junto a ribeiros de água e quando chega o tempo de sequidão, ou seja, quando vem o mau, ainda assim a sua folha permanece verde e ela continua a dar o seu fruto. Que benção!

Olhem isso: A ÁRVORE MÁ NÃO SENTE QUANDO VEM O BEM, e a ÁRVORE BOA NÃO SENTE QUANDO VEM O MAL. Claro, Jesus nos ensinou que não devemos viver baseados nas circunstâncias, devemos viver por fé. Paulo disse em 2 Coríntios 5-7: “PORQUE ANDAMOS POR FÉ, E NÃO POR VISTA”. Se formos como a árvore boa, estaremos plantados em Jesus e não sentiremos quando vem o mau tempo, continuaremos a dar fruto. Mas a árvore má que está no deserto está seca e não dá fruto, mesmo se o tempo bom vier, se o bem chegar, não perceberá e continuará seca.

Quem tem a sua base no deserto e não na água viva, que é Jesus, tem colocado a sua fé e confiança em lugar errado.

Mas glória a Deus, porque nós, como ramos da videira, que é Cristo, temos aprendido a confiar em Jesus e por isso podemos ser como a árvore que é citada em salmo 1:3: “Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto na estação própria, e cujas folhas não caem, e tudo quanto fizer prosperará”. E TUDO QUANTO FIZER PROSPERARÁ!
Amados, recebam a benção da Palavra sobre a árvore boa para o seu dia hoje: E TUDO O QUE FIZER PROSPERARÁ! Porque você confia em Jesus, está plantado junto a ribeiros e medita na sua palavra dia e noite!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário